sexta-feira, 8 de agosto de 2014

Na Estónia...

... pode um homem casar com a irmã da sua viúva?

13 comentários:

  1. Na Estónia acho que não, mas pode escolher entre o céu e o inferno porque se é da sua viúva...ele já morreu...:P

    ResponderEliminar
  2. Na Estónia, não sei... Mas em Portugal não existem nenhuma lei que proíba tal coisa!

    ResponderEliminar
  3. Claro que sim, desde que o defunto apareça a horas para o casamento!

    ResponderEliminar
  4. Olha que cá, no nosso país, sei de casos em que isso aconteceu!

    ResponderEliminar
  5. Não pode não, nem na Estónia nem em lado algum, visto que ele "quinou" ;)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tudo é possível. Até a adopção de crianças por casais gays um dia por cá vai ser!

      Eliminar

  6. LOL... esta é para distraídos!!

    (^^)

    ResponderEliminar
  7. ...só noutra encarnação!!!

    Beijinhos.

    ResponderEliminar
  8. Neste mundo doido tudo é possível!

    A primeira vez que ouvi falar disso foi nos anos 80 e tive de confirmar o significado da palavra PÓSTUMO no dicionário, ao ler o termo CASAMENTO PÓSTUMO no resumo de uma telenovela que acompanhava, em que a noiva já estava morta.

    E sim, é possível casar a título póstumo e eu até entendo o desejo de quem possa vir a pedir tal acto. Acho bonito quando é fruto de um imenso amor, não tanto quando é por interesses e conveniências.

    http://novelaspararecordar.blogspot.pt
    http://eueocosmos.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  9. LOOOOOOOOOOOL...da primeira vez que li pensei, "claro que pode". LOL Depois percebi a marosca. ;) :P
    beijinho

    ResponderEliminar