quarta-feira, 22 de maio de 2013

O que um pai sofre pelo seu rebento


O pai do nosso Primeiro Ministro é uma pessoa em sofrimento. Pois se há coisa que custe a um pai, é ver um filho sofrer com as decisões que o segundo toma. Sim, porque o rebento deste pai é quase um mártir tal não é a angústia que sente ao despojar os portugueses do seu sustento. Coitado!
 
No universo familiar e para uma família feliz, os filhos devem obediência incondicional aos pais e por isso, devemos ouvir, aceitar e cumprir os conselhos dos pais, pois ainda que se diga que se os conselhos fossem bons, não se davam, vendiam-se, os dos pais ultrapassam esta sabedoria.
 
Mais uma família infeliz a do nosso Primeiro! Não há necessidade!
 
 

8 comentários:

  1. O filho já devia ter feito a vontade ao pai há imenso tempo!

    Beijinhos

    ResponderEliminar
  2. Deve haver muita festa por aí nesse dia...a família Coelho não deverá ser a única!

    ResponderEliminar
  3. é que não há mesmo necessidade. Que pegue no filho e o leve para bem longe

    ResponderEliminar
  4. Ontem já era tarde!

    Seja muito bem vinda ao meu "modesto" blogue. Muito obrigada!

    ResponderEliminar