terça-feira, 5 de novembro de 2013

Frio, gelado ou quente o importante é "ter chá"

Uns apresentam as suas narrativas, outros protagonizam acontecimentos "inenarráveis, quer uns quer outros são exemplos retirados da esfera política. 
Um de muitos defeitos dos políticos portugueses é o de se acharam merecedores de uma absoluta reverência, pois cada vez que fazem aparições públicas gostam de se fazer esperar, é um comportamento que me faz alguma espécie, e que me deixa a pensar na hipótese de os ditos, se quererem substituir a el rei D. Sebastião! Mas isto sou eu a pensar... 
Ora, a última do género foi protagonizada por Paulo Portas que se atrasou um bocadinho, convenhamos, obrigando a comunidade portuguesa em Macau a esperar por sua excelência, o vice primeiro ministro, nada mais nada menos que duas horas, cento e vinte minutos, sete mil e duzentos segundos... Como pessoa importante que se julga, não se dignou a dar qualquer explicação.
Claro está que os chineses não estão para aturar este tipo de pedantismo e não se fizeram rogados na hora de qualificar o ato de sua excelência... como inenarrável e de uma grande falta de chá!
Permita-me uma sugestão excelentíssimo vice primeiro ministro, para a próxima documente-se relativamente aos hábitos e costumes do país que visita, faça o trabalho de casa e seja um bom aluno, aproveite e peça também umas dicas de etiqueta à Paula Bobone e já agora, compre umas caixas de chá... esteve na terra dele!

p.s. Amanhã prometo que não falo de políticos do atual executivo... A não ser que haja mais uma ou outra pérola!

10 comentários:

  1. O problema amiga é que por aqui se prefere o café...enfim...concordo inteiramente com o que diz!
    Beijinhos
    Maria

    ResponderEliminar
  2. Crítica bem escrita e elaborada!beijos,chica

    ResponderEliminar
  3. Isto não é só falta de chá, é falta de tudo.

    ResponderEliminar
  4. O poder leva a abusos. Sempre foi assim e parece que nada aprendemos.

    beijos

    ResponderEliminar
  5. Enfim, acho que o senhor não sabe o que é a pontualidade.:)

    ResponderEliminar
  6. O mal dessa gente " políticos" é que vão para outros países mas acham que ainda estão em Portugal, onde podem fazer o que quiserem que ninguém lhes diz nada e ainda são os senhores doutores, mas nos outros países não se tolera tudo e muito menos pessoas imbecis que se julgam os maiores.

    bjs

    ResponderEliminar
  7. É a imagem (negativa ) que dão do País.
    :((

    ResponderEliminar
  8. Mais uma pérola...é que este não percebe nada de chá, só percebe de submarinos. Lamentável, pessoas destas a representarem o nosso país :(

    ResponderEliminar