quinta-feira, 15 de agosto de 2013

Azul português

Azulejos de padrão, também chamados de azulejos de repetição do séc. XVII.
 
Os da fotografia ornamentam um respeitável banco exterior do Convento de Cristo de Tomar, que generosamente acolheu o meu descanso.

15 comentários:

  1. Dizia para aguentares ai 30 minutos que te faria companhia mas está muito calor... :P

    ResponderEliminar
  2. São muito bonitos. Já não se faz disso hoje em dia.

    ResponderEliminar
  3. Muito bonitos. É pena que muitos azulejos se estejam a perder por
    falta de conservação.
    Bj.
    Irene Alves

    ResponderEliminar
  4. A janela manuelina ainda resiste? Pelo estado em que a vi em Dezembro, se não lhe acodem o país perderá em menos de uma década uma das suas obras de arte maiores.

    Os azulejos são sempre agradáveis de ver,

    Bom resto de feriado.

    ResponderEliminar
  5. Gosto bastante de ver estes azulejos.. mas não podem ser em grande quantidade

    ResponderEliminar
  6. Foste visitar a cidade do meu coração!!
    Passei aí os melhores anos da minha vida!!

    ResponderEliminar
  7. O azulejo faz parte da nossa história enquanto povo.
    Obrigada pela lembrança.
    Beijinho

    ResponderEliminar
  8. Estiveste perto de mim, espero que tenhas gostado, apesar de até viver perto nunca fui ao convento ;)

    ResponderEliminar
  9. É nosso, é português!
    Ás vezes parece-me exagerado mas é bonito :)

    ResponderEliminar